sexta-feira, 4 de novembro de 2016

NOVAS ESCRITORAS DO ACRE - PARTE II

OLÁ GENTE QUERIDA,

Continuando na linha de apresentar as novas escritoras que estão surgindo no cenário acreano, mas especificamente, em Rio Branco, hoje que falar de outra autora, Antônia Tavares, que lançou seu primeiro livro em junho de 2016, na Livraria PAIM, também noticiado pelo G1 do Acre.
Resultado de imagem para quadro da moça lendo o livro

A reportagem com maiores detalhes segue logo abaixo:

Acreana lança livro de contos e poemas sobre a alma feminina

'Loucas e Bruxas, Bruxas e Loucas' é lançado nesta terça (7), às 17h.
Antônia Tavares fez o livro com poemas, contos e ilustrações autorais.

Do G1 AC
Antônia Tavares livro (Foto: Antônia Tavares/ Arquivo Pessoal)Livro possui 12 contos, 60 poemas e 52 ilustrações
(Foto: Antônia Tavares/ Arquivo Pessoal)
Para alcançar a plenitude da alma, do pensamento e do instinto, é preciso que haja um equilíbrio entre três vias: a ciência, a arte e a espiritualidade.
Essa é uma das principais ideias encontradas no livro "Loucas e Bruxas, Bruxas e Loucas", da acreana Antônia Tavares, que será lançado nesta terça-feira (7). O lançamento será a partir das 17h na Livraria Paim em Rio Branco.
Com uma tiragem de mil exemplares, o livro possui 12 contos, 60 poemas e 52 ilustrações da autora e é o primeiro de um projeto de três livros.
De acordo com Antônia, a ideia é pesquisar e registrar a sabedoria sagrada da mulher e surgiu da vontade de estudar o que tem de mais profundo na alma, abismo, breu e luz feminina.
Nos doze contos, o leitor vai conhecer doze mulheres atemporais e diferentes, que vão buscar a individualidade que contextualiza a mulher no trabalho dela. "Por exemplo, uma xaman ou uma lavadeira, são pessoas que trazem em si uma sabedoria que vem dos seus ancestrais e da sua própria observação. E, dentro do contexto em que ela vive, vira algo transformador na sociedade dela", comenta a autora.
O livro é completamente autoral e feito com dinheiro do próprio bolso de Antônia. O projeto é escrever mais dois, sendo que o primeiro sustente o segundo e o terceiro, como uma trilogia. Ao fim das publicações, ela pretende doar os direitos autorais dos livros para organizações não governamentais que cuidam de crianças que sofreram abuso sexual.
Antônia Tavares livro (Foto: Antônia Tavares/ Arquivo Pessoal)Antônia pretende escrever mais dois livros (Foto:
Antônia Tavares/ Arquivo Pessoal)
Antônia Tavares, também conhecida como Bethe Oliveira, nasceu em Rio Branco, no Seringal Bagaço e é formada em economia. Ela trabalha atualmente como especialista sênior em planejamento e gestão pública.
Mesmo vivendo e realizando trabalhos técnicos em sua rotina, ela conta que sempre leva a arte consigo. "Aquilo que tem um pouco de arte, mesmo que seja na segurança pública, vem da alma humana", afirma.